sábado, 16 de outubro de 2010

LISTA DOS DISCOS E MUSICAS GRAVADAS PELO REI DO BAIÃO

Luiz Gonzaga gravou 625 músicas em 266 discos. Os discos assim se dividem: 125 em 78 rotações, 79 LPs de 12 polegadas, 6 LPs de 10 polegadas, 41 compactos simples e duplos, de 45 e 33 rpm; e 15 LPs de coletâneas.

Das 625 músicas gravadas por Luiz Gonzaga, 53 são de sua autoria (sozinho), 243 são em parceria (Luiz Gonzaga e outros compositores) e 329 são de outros autores, sem a sua participação. O Rei do Baião teve, ao longo da carreira, 61 parceiros.

Até o ano 2009, cerca de 20 livros foram escritos sobre a vida e a carreira de Luiz Gonzaga, o Rei do Baião.

Luiz Gonzaga gravou 52 músicas de Zé Dantas, das quais pelo menos 40% foram sucesso nacional. De Humberto Teixeira, LG gravou 32, também com 40% de “aproveitamento”.

A primeira música que Luiz Gonzaga gravou de Humberto Teixeira foi No meu pé de serra, em 1946, e a segunda foi Asa branca, em 1947. A primeira de Zé Dantas foi Vem, Morena, em 1949, e a segunda foi Forró de Mané Vito, logo a seguir, também em 1949.

Os maiores sucessos de Luiz Gonzaga com Humberto Teixeira foram: Asa branca, Assum preto, No meu pé de serra, Juazeiro, Mangaratiba, Paraíba, Que nem jiló, Respeita Januário, Xanduzinha, Estrada de Canindé, Légua tirana, Chá cutuba, Lorota boa, Orélia (14 sucessos).

Os maiores sucessos de Luiz Gonzaga com Zé Dantas foram: ABC do Sertão, A Letra I, Acauã, A dança da moda, A volta da asa branca, Algodão, Cintura fina, Derramaro o gai, Forró de Mané Vito, Imbalança, Mané e Zabé, Minha fulô, Noites brasileiras, São João na roça, O xote das meninas, Paulo Afonso, Riacho do Navio, Sabiá, Samarica parteira, Siri jogando bola, Vem,Morena, Vozes da Seca (22 sucessos).

O compositor mais gravado por Luiz Gonzaga é João Silva – autor de Nem se despediu de mim, Forró de cabo a rabo, Pagode russo, Deixa a tanga voar, Danado de bom, Fiá a Pavi, Meu araripe, a maioria nos últimos discos de LG, nos anos 80. De João Silva, Gonzaga gravou 84 músicas.

Outros compositores que mais gravaram com Luiz Gonzaga: Onildo Almeida (21 músicas), José Marcolino (14), Miguel Lima (14), Severino Ramos (13), Nélson Valença (12), Luiz Guimarães (11), Luiz Bandeira (10), Nélson Barbalho (7), Luiz Ramalho (6).

Os sucessos desses compositores fora do tripé Humberto Teixeira/Zé Dantas/João Silva foram os seguintes: José Marcolino – Serrote Agudo, Cantiga de vem-vem, Marimbondo, Cacimba Nova, Numa sala de reboco; Luiz Ramalho – Daquele jeito, Facilita, Roendo unha; Severino Ramos – Aquilo bom, Forró de Zé do baile, Ovo de codorna; Luiz Guimarães – Sanfona do povo, Cocotá; Luiz Bandeira – Onde tu tá neném; Nelson Barbalho – A morte do vaqueiro; Nelson Valença – A mulher do meu patrão, O fole roncou, Cantarino.

Outro compositor menos afamado, mas com sucessos na voz de Gonzaga é José Clementino, autor de Capim novo, O jumento é nosso irmão, Xote dos cabeludos.

INFORMAÇÕES CEDIDA, PELO BLOG DO CANTOR COMPOSITOR E ESCRITOR PERNAMBUCANO, DANIEL BUENO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário